O Diário de Anne Frank

Anne Frank foi uma adolescente alemã de origem judaica, vítima do Holocausto.
Tornou-se famosa em 1947, após a publicação do livro O Diário de Anne Frank, que conta a história de 8 judeus que viveram durante cerca de dois anos num anexo secreto.
Neste diário Anne mostra-nos um pouco de como era viver durante a 2ª Guerra Mundial, contendo um pouco do antes do anexo, e mostra-nos os sacrifícios que os judeus passavam durante esse tempo, bem como as dificuldades que eles passaram no Anexo.
Este livro também nos ensina um pouco da história da segunda Guerra Mundial, podendo até no relembrar de algumas coisas que aprendemos na escola quando se estuda este tema, sendo um dos fatores que me fez gostar do livro.
Sobre a Anne pode-se dizer que era uma
menina inteligente, tagarela e muito divertida mas também era um pouco mimada e a certa altura do livro pensa que já é crescida ao ponto de não ter de dar satisfações aos pais, e não aceitava que a contrariassem.
Contudo achei que o livro pode ser um pouco subjetivo, pois só vemos a visão da Anne, que durante este período estava a passar pela fase da adolescência e sendo esta uma fase difícil, e que para os adolescentes uma fase que ninguém os compreende e que ninguém gosta deles, pode ter influenciado na escrita do diário.
Esta leitura entra na maratona de Outono/Inverno na categoria de ler um livro não-ficção, e conta com 448 páginas, sendo que já conto com um total de 1010 páginas lidas.

Boas leituras :D 

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Fantastic Beasts: The Crimes of Grindelwald

Maratona Literária Outono/ Inverno 2017 - wrap up

Música: Back In The USA